Cadastre seu email e receba informações sobre o CEIVAP.

Newsletter Clipping
     
Noticias

Sete formas de se proteger do novo coronavírus


Foto: Imagem de Divulgação

A COVID-19 é uma doença  infecciosa causada pelo novo coronavírus descoberto. A maioria das pessoas infectadas teve doença leve e se recuperou, porém ela pode ser severa para outros, particularmente os mais velhos e aqueles com condições médicas específicas. Abaixo estão alguns passos simples que podem ser tomados para proteger a sua saúde e a saúde das outras pessoas.

1. Lave as mãos com frequência
Limpe as mãos completamente e regularmente com álcool gel ou lave as mãos com água e sabão.

2. Evite tocar os olhos, nariz e boca
Frequentemente tocamos nossos rostos sem perceber. Esteja ciente disto e evite tocar seus olhos, nariz e boca.

3. Proteja sua tosse
Garanta que você e as pessoas ao seu redor seguem boa higiene respiratória. Isto significa cobrir sua boca e nariz com a dobra do cotovelo ou com um lenço quando você tosse ou espirra. Jogue o lenço fora imediatamente num lixo fechado e lave as mãos.

4. Evite lugares com muita gente e contato próximo com qualquer pessoa que tenha tido febre ou gripe
Evite lugares cheios, especialmente se você tem mais de 60 anos ou tem uma condição médica como pressão alta, diabetes, doenças do coração e pulmão ou câncer. Mantenha pelo menos um metro de distância de qualquer pessoa que tenha tido febre ou tosse.

5. Fique em casa se você se sentir mal
Fique em casa se você se sentir mal ou tiver febre baixa e tosse.

6. Se tiver febre, tosse e dificuldade para respirar, procure atendimento médico logo – mas ligue primeiro
Se você tiver febre, tosse e dificuldade em respirar, procure atendimento médico logo – se puder, ligue para o hospital ou posto de saúde antes, para que digam quando você pode ir.

7. Obtenha informação de fontes confiáveis
Fique informado sobre as últimas notícias da COVID-19 a partir de fontes fidedígnas. Assegure-se de que a informação vem de fontes confiáveis – a agência local ou nacional de saúde pública, o site da Organização Mundial de Saúde (OMS) ou o profissional de saúde local. Todos devem saber os sintomas – para a maioria das pessoas, começa com febre ou tosse seca.

Com informações da ONU Brasil



23-03-2020


Outras Notícias

Mais Notícias »